As iscas químicas são o método mais eficiente para controle de roedores. Os princípios ativos são anticoagulantes sanguíneos, cujo antídoto é a vitamina K1. Sua ação tóxica se desenvolve lentamente no organismo dos roedores, de forma que ao morrerem (em média sete dias após a ingestão do raticida), os demais roedores do grupo não associam a redução da colônia à ingestão das iscas, mecanismo este, que permite que e todos os roedores se alimentem com o raticida, alcançando o êxito no controle de infestações em menor tempo.


Entretanto, um controle eficiente de roedores necessita da participação do cliente, que orientado pela BN Controle de Pragas, deve adotar medidas preventivas a novos quadros de infestações. Por isso, o trabalho de orientação ao cliente, realizado pela BN Controle de Pragas, é parte fundamental para o sucesso e durabilidade dos resultados.


A simples instalação de iscas ou armadilhas não garante que o local estará completamente isento de pragas, porém, seguindo as orientações preventivas, obtém-se o controle desejado em pouco tempo, a custos baixos e com segurança ao meio ambiente e a biodiversidade.



Isca