Formigas

Algumas espécies de formigas possuem colônias com centena de milhares de indivíduos. Cada membro da colônia tem uma tarefa específica que é indispensável para a sobrevivência da colônia. Cada colônia de formiga contem duas castas básicas, ou tipos de indivíduos.


Os reprodutores como as rainhas que produzem os ovos dos quais a colônia obtém novos indivíduos e operárias que fazem todas as demais tarefas da colônia como: procurar alimentos, cuidar da rainha e dos filhotes, e defender a colônia de inimigos externos.
Algumas espécies de formigas poderá conter vários tipos de operárias que podem, muitas vezes, possuir diferentes tamanhos. Isto é chamado polimorfismo. A reprodução ocorre quando a colônia está adulta e irá produzir reis e rainhas alados que sairá do formigueiro para acasalar e formar novas colônias.

Em algumas espécies o acasalamento poderá ocorrer dentro do próprio formigueiro. Logo após o acasalamento, os reis morrem e as rainhas vão para a terra, perdem suas asas e procuram o local para iniciar o formigueiro. Quando este é localizado, ela ira colocar cerca de 50 ovos. Os músculos para voar, agora inativos, são quebrados e absorvidos pelo seu corpo para produzir alimento para seus filhotes.


Danos e Doenças

As formigas são insetos sociais. Elas vivem em colônias contendo uma grande quantidade de indivíduos.